Com ciúmes do PDT, PP exige maior espaço

Gilson NasserO presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, vereador Deucimar Silva (PP), se mostrou “impressionado” com a força do PDT na administração municipal. O partido dos vereadores Toninho de Souza e Sérgio Cintra recebeu nesta semana a secretaria de Cultura que será ocupada pelo vereador licenciado Adevair Cabral. Ele citou que seu partido, que tem 3 vereadores, incluindo a presidência da Mesa Diretora, não tem representatividade alguma na gestão Wilson Santos. “A Agência de Habitação não é nada. Se for possível faço até a devolução dela”, ameaçou.  Deucimar ainda comentou a forma como o PDT conseguiu garantir a terceira pasta na administração. “To impressionado, porque o PDT ameaçou abrir uma CPI e exigiu a convocação do secretário de Saúde”, colocou. O líder do PP na Câmara, vereador Éverton Pop, também cobrou por mais espaço do partido na gestão tucana. “Ou nós estamos na base na proporção que o partido merece ou não estamos”, assinalou.
  

O presidente municipal do PDT, vereador Toninho de Souza (foto), rebateu as declarações do presidente Câmara, Deucimar Silva (PP), de que a sigla brizolista barganhou para conseguir mais uma secretaria na gestão do prefeito Wilson Santos (PSDB). Segundo Toninho, o PDT não usou a proposta de instalação de uma CPI para investigar a Sanecap como moeda de troca do os tucanos. O vereador explicou que, por iniciativa do vereador Sérgio Cintra, o PDT apresentou a proposta para criação da CPI, mas não conseguiu colher as assinaturas necessárias. Além disso, ele afirmou que foi solicitada a presença do secretário municipal de Saúde, Luiz Soares, para dar esclarecimento sobre o fechamento do Pronto-Socorro para reforma, demora na realização de exames e cirurgias e a greve dos médicos. No entanto, Soares solicitou dilação do prazo para ir ao Legislativo. “Independentemente de sermos da base de sustentação, os problemas existem e não vamos deixar de cobrar do prefeito. Isso é contribuir com a administração. Elogio, no meu ponto de vista, é puxa-saquismo. Independentemente de ocupação de cargos, buscamos junto ao prefeito o nosso espaço de forma legítima”, explicou Toninho.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s