PDT quer candidatura de Pivetta e rediscutirá apoio a Wilson

Toninho_PDT_218082009164823_medA Comissão Provisória do PDT em Cuiabá, presidida pelo vereador Toninho de Souza, e que foi instituída na semana passada, já defende que o partido tenha candidatura majoritária nas próximas eleições. O nome mais cogitado para assumir a disputa é do atual presidente da regional, o deputado estadual licenciado Otaviano Pivetta.

Os pedetistas também passaram a trabalhar com a possibilidade de filiação do procurador da República, Pedro Taques, para as eleições de 2010. O procurador, que durante muito tempo militou em Mato Grosso, hoje atua no Estado de São Paulo.

Toninho de Souza disse que o PDT necessita, inicialmente, de estabilidade política e partidária para dar início ao projeto de candidatura ao Governo. Segundo ele, o partido precisa dar um fim às brigas internas e passar às discussões partidárias, mas se apresentando unido para sociedade. “As intrigas do passado geraram um clima de instabilidade no partido. Temos que acabar com essa situação, com renovação partidária”, afirmou o vereador.

Apoio ao Wilson Santos

O dirigente adiantou que reunirá, em breve, a base partidária para rediscutir a posição do partido com relação à sustentação ao prefeito Wilson Santos (PSDB) no âmbito do Legislativo Municipal. O PDT fez parte da aliança que reconduziu Santos à prefeitura, em 2008, porém poderá seguir caminhos apostos na eleição de 2010, já que o PSDB sinaliza para uma candidatura própria ao Governo do Estado.

“Não estamos sinalizando com um rompimento com o prefeito. Só queremos discutir essa situação”, informou Toninho.

Assembléia Legislativa

No projeto de fortalecimento da legenda, o PDT quer ampliar o número de representantes na Assembléia Legislativa, estimando eleger de três a quatro deputados estaduais. Na última eleição, em 2006, o partido garantiu uma vaga, que é ocupada por Pivetta. A meta é conquistar pelo menos uma vaga na Câmara Federal. “O PDT tem uma força muito maior do que tem se expressado nas urnas. Precisamos reacender a chama pedetista”, disse o secretário-geral da Comissão Municipal, vereador Sérgio Cintra.

Na avaliação do vice-presidente da Comissão Provisória, o secretário de Esporte de Cuiabá, Aurélio Augusto Gonçalves da Silva, a missão de unificar o PDT para a próxima eleição será difícil. Todavia, ele disse apostar que o caminho para essa mudança será a renovação dos diretórios municipais e também mudança no estadual. “Somos um partido histórico, mas com potencial represado. Precisamos de renovação”, declarou.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s