PDT e PT reprovão as Urnas Eletrônicas

 PDT e PT se recusam a testar urnas eletrônicas do jeito que o TSE quer

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) e o Partido dos Trabalhadores (PT) informaram ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nesta quinta-feira (9/7), fcapa-fraudesdefesasormalmente, que desistiram do teste de penetração nas urnas eletrônicas para avaliar se é possível fraudá-las ou não. O teste vinha sendo solicitado pelos partidos há nove anos porque ele é a melhor maneira de provar se o sistema é seguro ou não – e só no final do mês passado o TSE autorizou a realização dele, mas sob condições estritas.

Segundo o engenheiro Amilcar Brunazo Filho, representante do PDT no TSE e um dos maiores críticos da urna brasileira pelo fato dela não permitir a recontagem de votos, o TSE descaracterizou de tal forma o procedimento técnico – que do jeito que ele quer, o teste não será isento.

A preocupação com a vulnerabilidade da urna eletrônica é antiga. Pode ser acompanhada no site Voto Seguro, mantido por técnicos especializados, engenheiros, professores e advogados que defendem que a urna eletrônica virtual – que não registra em apartado o voto do eleitor e que será usada nas próximas eleições – admite uma vasta gama de possibilidades de invasões, sendo definitivamente insegura e vulnerável.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s